Mercado de trabalho de Marketing: conheça

 

Mercado de Trabalho de Marketing

Dinâmico e concorrido, o mercado de trabalho de Marketing no Brasil ainda tem espaço para crescimento. A área, fundamental para todos os tipos de negócios, encontra desafios no momento econômico atual, mas se torna ainda mais importante para que empresas não deixem de vender. A ideia é avaliar e estudar o cenário não favorável para descobrir oportunidades, inovar e se fortalecer.

A formação

O curso tecnólogo de Marketing é uma graduação tecnológica com duração de dois anos, que prepara os alunos para que tenham visão estratégica e domínio de planejamento, saibam medir o sucesso das ações realizadas e avaliem os diferentes cenários (econômico, político, sociocultural etc.), atuando, assim, de maneira dinâmica e efetiva.

O profissional é capaz de exercer uma função estratégica para o negócio e é o responsável pela imagem pública da empresa, elaborando campanhas e encontrando possibilidades para aumentar a satisfação de clientes e garantir retorno financeiro. Ele pode fazer gestão de marcas, pesquisa mercadológica, comunicação corporativa, relacionamento, campanhas de vendas e tem oportunidades de trabalho em companhias de todos os setores e portes, além de ter a chance de seguir carreira como consultor.

Áreas de atuação

Assim como a variedade das empresas que são mercado de trabalho de Marketing, são diversas as opções de atuação: Marketing de Guerrilha, Digital, de Conteúdo, Pessoal, de Relacionamento, Social Media, Neuromarketing, consultoria…

O profissional tem a chance de se especializar em um dos ramos do Marketing para trabalhar. Independentemente da área escolhida, é necessário estar sempre atualizado para não ficar ultrapassado e perder espaço.

 

Momento econômico

As vagas estão concentradas, em sua maioria, em grandes empresas, serviços de consultoria a pequenos e médios negócios, institutos de pesquisa e órgãos públicos. Porém, por ser uma área de conhecimento estratégica, capaz de fortalecer marcas e empresas mesmo em períodos de crise econômica, as oportunidades de trabalho para o tecnólogo em Marketing estão em todos os locais que precisam gerar lucro atrelado ao bom relacionamento com o consumidor.

Segundo Guia Salarial 2017, publicação anual da consultoria multinacional especializada em recrutamento Robert Half, que divulga as tendências de remuneração e oportunidades para o ano, o mercado de trabalho de Marketing está se transformando. Os profissionais com capacidade de avançar fronteiras e conquistar mercados estão mais valorizados. A formação técnica de qualidade, conhecimento avançado de inglês e capacidade de inovar são fundamentais para o profissional se destacar.

Salários no mercado de trabalho de Marketing

Ainda segundo o levantamento da Robert Half, os salários de profissionais de Marketing podem chegar a R$ 45 mil para cargos de diretor em grandes empresas. Os ganhos variam conforme porte da instituição que contrata o profissional. Em pequenas companhias, um analista pode ganhar entre R$ 3.700 e R$ 6.000, enquanto as grandes empresas chegam a pagar R$ 7.000 para o mesmo cargo. Coordenadores ganham entre R$ 5.100 e R$ 12 mil enquanto gerentes chegam a receber R$ 25 mil em alguns empregos.

Na comparação com os salários de 2016, todos os cargos apresentam aumento, entre 0,2% para diretor e gerente de Marketing e 10,3% para o coordenador de comunicação (lembre-se de que as áreas de comunicação costumam ter profissionais de formações diversas, como jornalismo, publicidade, relações públicas e o próprio Marketing).

 

 

Deixe seu comentário